Bancária da Caixa Acusada de Ter Prestado Depoimento Falso Em Juízo é Reintegrada.

Em ação promovida por Geraldo Marcos Advogados, a CAIXA foi condenada a reintegrar uma bancária que foi despedida por justa causa por ter prestado um depoimento na justiça que desagradou a sua empregadora.

A CEF justificou a despedida em um suposto falso testemunho da bancária, que à época da rescisão tinha mais de 33 anos de trabalho na empresa pública. Naturalmente inconformada com a injustiça, moveu uma ação de reintegração que foi julgada procedente em 1ª instância. Além do retorno imediato ao trabalho, a CEF foi condenada a pagar todos os salários e parcelas indenizatórias desde a dispensa, além de danos morais de R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil reais). Desta decisão cabe recurso para o TRT/MG.

Segundo a sentença, “incumbia à ré comprovar cabalmente o falso testemunho, o que não ocorreu e o falso testemunho é crime, tratando-se de grave acusação, que não se comprovou, na hipótese.” E completa a Juíza do Trabalho: “Nesse contexto, está patente a descaracterização da justa causa, na hipótese, desproporcional, sem o requisito de falta grave (o depoimento da autora em juízo sob compromisso não pode ser considerado falta grave, sob pena de se evidenciar abuso de poder, constrangimento e intimidação de todos os empregados quando comparecerem em juízo como testemunhas.”

0

Postagens relacionadas

Instrutores de motoescola de…

A 7ª Turma do Tribunal Superior do Trabalho deferiu o pagamento do adicional de periculosidade a instrutores de motocicleta de uma autoescola de Campinas (SP). Para o colegiado, o tempo…
Consulte Mais informação

Trabalhadora que sofreu ofensas…

"Coisa de mulher" e "loira burra" foram alguns dos dizeres confirmados por testemunhas. Trabalhadora que sofreu assédio moral por parte do chefe, que proferiu ofensas machistas, será indenizada pela empresa…
Consulte Mais informação

Justiça do Trabalho determina…

Em decisão liminar proferia nos autos da Ação Civil Pública, patrocinada pelo escritório GERALDO MARCOS E ADVOGADOS ASSOCIADOS, na qual o SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ESTABELECIIMENTOS BANCÁRIOS DE BELO HORIZONTE…
Consulte Mais informação