TRF4 garante retomada de pagamento do BPC/LOAS para homem com Síndrome de Down

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) decidiu que o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deve retomar pagamento do benefício assistencial (BPC/LOAS) de um homem com Síndrome de Down.

O caso trata da cessação dos pagamentos do BPC/LOAS de um homem de 29 anos com Síndrome de Down. O beneficiário possui possui deficiência intelectual e cognitiva, e recebe o benefício desde 1997. Porém, em abril de 2021 o INSS cessou os pagamentos, sob a justificativa de que a renda renda familiar do homem superava o limite estabelecido para a concessão do BPC. Além disso, o INSS indicou que o beneficiário recebeu cerca de R$ 60.837,14 em valores indevidos, devendo ser feita a devolução ao órgão.

Assim, o homem ajuizou uma ação na 4ª Vara Federal de Passo Fundo, sendo representado pela mãe, quando pleiteou a retomada dos pagamentos do BPC/LOAS. Na ocasião, a Vara concedeu uma liminar determinando que o INSS retomasse os pagamentos. No entanto, o INSS recorreu da decisão ao TRF4.

Ao analisar o caso, o TRF4 comprovou a deficiência do segurado e a situação de vulnerabilidade econômica da família dele. Dessa forma, é possível o restabelecimento do benefício até o julgamento do mérito da ação. Ainda, o TRF4 determinou a suspensão, por parte do INSS, das tentativas de cobranças dos valores já pagos ao homem.

Fonte: Previdenciarista

Imagem: Law hammer photo created by wirestock – www.freepik.com

0

Postagens relacionadas

Tribunal determina restabelecimento de…

A Sétima Turma do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3) determinou ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) restabelecer o auxílio-doença a uma auxiliar de escritório com visão subnormal.…
Consulte Mais informação

Nova regra do STF…

No debate ocorrido na ADIN 5.399, o STF decidiu que serão mantidos os votos de ministros aposentados já proferidos em plenário virtual, mesmo após pedido de destaque. A nova regra…
Consulte Mais informação

Justiça concede aposentadoria por…

O juiz da 2ª Vara Cível de Campinas, Lucas Pereira Moraes Garcia, concedeu liminar em ação ingressada por uma bancária do Banco do Brasil, afastada do trabalho por problemas na…
Consulte Mais informação