Desaposentação. Um caminho viável pra quem pretende melhorar a aposentadoria.

O Superior Tribunal de Justiça tem julgado favoravelmente aos segurados da previdência que pretendem se desaposentar para obter um benefício melhor. Este expediente pode ser muito útil para pessoas que se aposentaram com proventos proporcionais e que, após a aposentadoria, permaneceram trabalhando e contribuindo para a Previdência Social.

A desaposentação significa a renúncia ao benefício anterior e, concomitantemente, a obtenção de um novo benefício com a utilização de todo o tempo de contribuição, inclusive o que gerou a primeira aposentadoria. A Justiça tem reconhecido este direito do cidadão brasileiro, independente do regime previdenciário. Assim, se você está insatisfeito com o valor de seu provento e contribuiu para a Previdência depois de se aposentar, vale a pena consultar um advogado especializado para saber se é o caso de pedir a revisão do seu benefício com fundamento na desaposentação.

O escritório Geraldo Marcos Advogados pode ajudá-lo na avaliação da conveniência e oportunidade de pedir a revisão de seus proventos.

0

Postagens relacionadas

TRF3 garante o saque…

A Primeira Turma do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3) garantiu o saque do FGTS a um portador de cardiopatia grave. O caso trata de um portador de doença…
Consulte Mais informação

Justiça garante direito de…

O Juízo da Vara Cível da Comarca de Feijó determinou ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que conceda benefício de amparo assistencial previsto na Constituição Federal de 1988 a…
Consulte Mais informação

Já pensou em recalcular…

As emendas constitucionais 20/98 e 41/03 elevaram o teto previdenciário para R$ 1.200,00 e R$ 2.400,00, respectivamente. O INSS entende que os novos tetos valem apenas para benefícios concedidos após…
Consulte Mais informação