Banco do Brasil foi condenado a restituir ao cliente os valores perdidos pelo “golpe do motoboy”

homem segurando celular

Cliente do Banco do Brasil foi vítima do “golpe do motoboy” no qual, um golpista liga se passando por empregado de banco ou da administradora do cartão, dizendo que este foi clonado e que possui compras suspeitas, bem como orienta a vítima a solicitar o cancelamento do cartão. Além disso, confirmam todos os seus dados bancários e histórico de compras, os quais deveriam estar sob sigilo do banco. Para concluir o cancelamento, pede ao cliente que entregue o cartão ao motoboy especificamente designado para tal finalidade. De posse do cartão, os golpistas fazem várias compras no cartão.

Em decisão de primeira instância o banco foi condenado a restituir ao cliente os valores subtraídos, e pagar a quantia de R$10.000,00 (dez mil reais), a título de indenização por danos morais, sob o fundamento de falha na prestação de serviços.

Fonte: Geraldo Marcos Advogados.

0

Postagens relacionadas

Bancário que adquiriu na…

Em uma ação de revisão e rescisão contratual c/c indenização ajuizada em desfavor de uma construtora, o bancário e sua esposa adquiriram na planta um lote pela quantia de R$…
Consulte Mais informação

Banco é condenado a…

Decisão foi publicada pela 2ª Vara, localizada no município de Arapiraca; o valor da indenização será de 4 mil reais Um banco foi condenado a pagar 4 mil reais de…
Consulte Mais informação

Banco BMG foi condenado…

Em processo movido pelo Escritório Geraldo Marcos Advogados, o Banco BMG foi condenado a pagar aposentada a quantia de R$ 10.000,00 (dez mil reais), a título de indenização por danos…
Consulte Mais informação