Segurada do INSS obtém Aposentadoria por Idade Híbrida

A 1ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) garantiu a concessão da Aposentadoria por Idade Híbrida para segurada do INSS.

A decisão em primeira instância determinou o pagamento do benefício à segurada. No entanto, o Instituto Nacional do Seguro Social recorreu ao TRF1 alegando que a autora não preencheu aos requisitos necessários para a concessão da aposentadoria.

Decisão

Ao caso, o TRF1 relembrou que, para a concessão do benefício da aposentadoria por idade híbrida, pelas regras anteriores à reforma, é preciso completar os seguintes requisitos:

– Demonstrar o efetivo exercício do trabalho rural e urbano e comprová-lo por meio de prova material, testemunhal ou documental completa;
– Cumprir 180 meses de carência;
– Idade mínima de 65 anos para os homens e 60 para as mulheres.
– Dessa forma, observa-se que, no caso tratado, a requerente preencheu todas as exigências. Ou seja, os requisitos de provas, tanto documental quanto oral, e a idade mínima foram atendidos. Além disso, a segurada também possui a idade exigida pela lei.

Juntamente com isso, os dados do Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS) demostram as contribuições feitas nos períodos de 24/05/1988 a 01/02/1989, de 03/06/1990 a 02/1993 e de 01/01/2008 a 17/12/2015. Sendo assim, os períodos somados atendem ao período de carência previsto em lei.

Assim, o TRF1 manteve a sentença que garante a concessão da aposentadoria por idade híbrida à segurada. Agora, cabe ao INSS o pagamento do benefício.

 

Fonte: TRF1

Imagem: Image by gpointstudio on Freepik

0

Postagens relacionadas

Servidor público que acumula…

A União recorreu da decisão alegando que a Constituição Federal estabelece que os proventos (salários de aposentadoria), pensões e outras formas de remuneração recebidos pelos servidores públicos, mesmo que de…
Consulte Mais informação

Filha garante parcelas de…

A 26ª Vara Federal de Porto Alegre reconheceu o direito de uma menina de três anos ao recebimento de pensão por morte do pai em período anterior ao reconhecimento judicial…
Consulte Mais informação

Criança com cegueira em…

Uma decisão do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) garantiu, pela primeira vez em Goiás, a concessão de benefício assistencial destinado a uma criança de 12 anos com visão monocular,…
Consulte Mais informação