Justiça Reconhece Natureza Salarial do Auxílio Alimentação e Condena o Banco Itaú S.a Ao Pagamento de Reflexos

A 8ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região manteve decisão proferida pelo Juiz do Trabalho Antônio Gomes de Vasconcelos, que havia reconhecido a natureza salarial do auxílio alimentação fornecido a um empregado do Itaú, determinando a integração da parcela à remuneração do autor.

O banco recorreu da sentença, sustentando, em resumo, que deveriam prevalecer as disposições da norma coletiva que estabelecem expressamente a natureza indenizatória do auxílio alimentação.

A Turma Julgadora, contudo, rejeitou a tese do banco. Para o TRT/MG restou devidamente comprovado nos autos por alguns anos após a admissão o bancário recebeu a verba denominada “Auxílio Alimentação” em pecúnia, sendo que à época não havia qualquer norma coletiva dispondo que a natureza do auxílio era indenizatória. Acrescente-se que nos autos ficou evidenciado que o Itaú somente aderiu ao PAT (Programa de Apoio ao Trabalhador) em 1º/07/2008, o que não ensejava alteração na natureza da verba percebida pelo trabalhador que havia sido admitido em novembro de 1986.

Com suporte em tais fundamentos, o TRT/MG manteve a sentença e a condenação do banco no pagamento dos reflexos do auxílio em férias + 1/3, 13º salário, PLR, horas extras pagas nos contrachegues juntados aos autos e FGTS.

Autos de nº 0002206-26.2014.5.03.0183

0

Postagens relacionadas

Professora receberá horas extraordinárias…

O Estado de Goiás foi condenado a pagar a uma professora da rede estadual de ensino horas extraordinárias quando a servidora exceder a jornada regular de trabalho (100, 150 ou…
Consulte Mais informação

Bradesco condenado a reintegrar…

A 3ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT/RJ) condenou o Banco Bradesco S.A a reintegrar e indenizar um bancário, diretor comercial de cooperativa ligada à instituição,…
Consulte Mais informação

Justiça condena Itaú a…

A 7ª Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST), em decisão sob a relatoria do ministro Cláudio Brandão, confirmou a decisão da 2ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho de…
Consulte Mais informação